Critica da Liberdade abstracta N° 9 - A

      Consideremos este ponto essencial: A TEORIA MARXISTA ( a analise dialectica ) E, SIMULTANEAMENTE, ECONOMICA ( portanto, cientifica ) E FILOSOFICA. A analise do capitalismo não se separa duma analise da situação do homem, da consciencia, da liberdade no capitalismo.

      Da autoria de Jaurès, eis uma das suas belas paginas onde ele descreve a situação do individuo:

      -- Lembro-me quando ha uns trinta anos, jovem recem-chegado a Paris, numa tarde de Inverno da imensa cidade, fiquei tolhido por uma especie de espanto social. Pareceu-me que milhares e milhares de homens passando sem se conhecerem, como uma enorme multidão de fantasmas solitarios, estavam desligados de qualquer elo de união. E, com um certo terror impessoal, perguntei-me como é que todos estes seres aceitavam a desigual repartição do bem e do mal, como seria possivel que aquela enorme estrutura social não caisse em ruinas. Não lhes via correntes nas mãos e nos pés e, por isso, assaltou-me a pergunta: por que prodigio estes milhares de individuos, sofredores e miseros, toleram tudo por quanto passam? Oh, eu não via o suficiente: a corrente estava nos seus proprios corações que não sentiam o fardo; o pensamento estava ligado, mas por um elo que eles mesmos desconheciam...

      O idealista Jaurès, depois de ter tão bem descrito uma impressão da juventude, foi incapaz de compreender. Atribuiu ao " habito " esta ignorancia e esta separação dos individuos. Sumario psicologico! Jaurès não compreendeu que atingia, là,  uma realidade profunda e um ponto essencial do marxismo. A indiferença, a despersonalisação da estrutura social ( o isolamento dos individuossão os dois aspectos inseparaveis da mesma realidade: o capitalismo!!! Supõem-se e alimentam-se reciprocamente. Por um lado <<  um poder inumano reina sobre tudo >> ( Marx ) e, por outro lado, os individuos, ignorantes e isolados, imaginam-se livres!

 

( a continuar na proxima Segunda-feira, dia 9 de Abril de 2012, em " N° 9 - B " ).

 

Podera encontras outras das nossas publicações em:

1) http://filosofiaxauteriana.wordpress.com

2) http://polemicando.over-blog.com    ou    www.polemicando.net

 

Envie seus E-mails para:

1) filosofia-xauteriana@numericable.fr

2) ltsc@numericable.fr

3) ltsc@iol.pt

4) pablonodrade@sapo.pt

publicado por filosofia-xauteriana às 08:43 | comentar | favorito