O IDEALISMO OBJETIVO

          " O Idealismo Objetivo "

 

 

link: http://filosofia-xauteriana.blogs.sapo.pt

 

 

 os vossos e-mails para:

 

1) pablonodrade@sapo.pt

 

2) filosofia.xauteriana@live.fr

 

3) filosofia.xauteriana@gmail.com

 

 

                      ---------------------- // -----------------------

 

 

 

      O conceito idealista do mundo, na sua forma mais primitiva ( embora tambem a mais conhecida ), é formulado pela doutrina religiosa duma alma-imaterial, ou dum " deus " que existiria anteriormente ao mundo-fisico. Esta optica esta errada, segundo demonstrado ao longo de toda a Historia da Ciencia. Esta perfeitamente demonstrado que os fenomenos espirituais surgiram a partir dum grau extremamente elevado da evolução da materia, que são inseparaveis de determinados processos materiais situados no cerebro e no sistema nervoso. Sem estes fenomenos materiais, fisiologicos, nenhum fenomeno espiritual poderia existir. Logo, as doutrinas religiosas que dizem que o espirito é anterior à materia, estas doutrinas nada têm de comum com a realidade!!!

 

      Tais teses revestem-se de maneira mais refinada ( e mais abstracta ) nos sistemas filosoficos idealistas. Platão, Leibniz, Hegel afirmam que as coisas têm por origem causas, essencias espirituais, imateriais que existiam antes delas. Platão, a essas causas imateriais, chamou-lhes << ideias >> ou << formas >>. Leibniz considera enquanto << atomos >> espirituais ou << substancias >> activas, denominadas << monadas >>, como base inicial de todas as coisas. Hegel coloca a << ideia >> enquanto conceito com existencia objetiva. Ele escreveu:

 

      -- O conceito é o principio primario; as coisas, são aquilo que são graças à actividade do conceito que lhes é proprio e que se revela nelas.

 

      A natureza, considerada na sua totalidade é, igualmente para Hegel, um produto do conceito, da ideia absoluta, existindo fora dos homens mas identica a um " deus ".

 

      A filosofia de Platão, de Leibniz e de Hegel é chamada Idealismo Objetivo  por admitir um certo principio espiritual << objetivo >>, distinto da consciencia humana e independentemente dela.

 

      Os raciocineos dos idealistas-objetivos não resistem à critica. As ideias, os conceitos não existem fora do pensamento humano!!! Os conceitos refletem as propriedades e as caracteristicas gerais da propria realidade, as caracteristicas gerais do mundo material. Tais são, pr exemplo, as noções de homem, de sociedade, de socialismo, de nação, etc. Um conceito, uma ideia precedente à Natureza e gerando-a, isto não é mais do que quimeras de idealistas.

 

      Lenine escreveu:

 

      -- Cada qual sabe, por exemplo, aquilo que é a ideia-humana; mas, a ideia sem os homens ou anterior aos homens, a ideia abstracta, a ideia absoluta é uma invenção teologica que hegel e outros idealistas seguiram.

 

( na proxima Quarta-feira, dia 04 de Junho de 2014, abordaremos: " O IDEALISMO SUBJETIVO " ).

 

 

publicado por filosofia-xauteriana às 21:54 | comentar | favorito